sexta-feira, 24 de julho de 2009

Bloque Popular

Zelaya na fronteira.

"O que é inegociável é o regresso do presidente Zelaya e a convocação de uma Assembléia Nacional Constituinte, pois o povo tem direito..."(Juan Alberto Barahona)

Nenhum comentário: