quarta-feira, 14 de outubro de 2009

Eu, eu mesma e Irene


Quando se começa a achar saudável falar sozinho...

Pois é. Andei até a janela, para exercitar os meus olhos cansados com um pouco de profundidade e horizonte. Ao lado da janela, alguns balbucios. Minha companheira de blog produzindo. Falando sozinha. Outro dia, sob muita pressão de serviço, me peguei também me dando instruções em voz alta. Deve ser por isso que quando o bicho tá pegando venho trabalhar sábados e feriados, assim ninguém testemunha a cena de eu me dar ordens e eu mesma executar. Só pode ser técnica de sobrevivência neste nosso ofício da vida real. Ofício tão sem interação, tão sem sinapses. Fica mais fácil assim: eu dou ordens, eu mesma executo as tarefas e eu própria escapo e posto no blog. Em 3 já somos um coletivo, com direito a discussões intermináveis e voto de minerva. Só não sei se isso é bom.o+*

8 comentários:

hellomotta disse...

"Fica mais fácil assim: eu dou ordens, eu mesma executo as tarefas e eu própria escapo e posto no blog."
PERFEITO!

E porque, quando eu mereço, me dou o direito de dançar e cantar. É minha recompensa! =]
;**

Mulher Asterísco disse...

Pelo visto, com os 3 eus meus mais os 3 eus teus, este blog é escrito à 12 mãos.

hellomotta disse...

demorei uns 5 minutos pra ler
3 eus meus, 3 eus teus
fala rápido!


otorrinolaringologista!

Dani disse...

Cris, a Fê nao apra de falar um minuto neh? Nossa senhora!!

E eu tb demorei eras tentando ler "com os 3 eus meus mais os 3 eus teus".

Bjuusss

Mulher Asterísco disse...

Trabalha do lado dela pra vc ver!!!!
É um caso sério: Ela tem os dedos tagarelas ;-)

hellomotta disse...

dedos tagarelas? pegou mal, isso!

Mulher Asterísco disse...

Ok, sendo mais precisa, as pontas dos dedos tagarelas.
Porque você olha, ela tá quietinha, mas na verdade está teclando com 10 pessoas ao mesmo tempo ;-P

Dani disse...

ahuahuahuaha!