quarta-feira, 7 de julho de 2010

Carta aos vizinhos

Comecei aqui por diversão. Me diverti. Depois, aqui passou a ser meu pires. O que continha o que eu derramava ou tranbordava de mim. Mas agora, que estou meio distante das postagens diárias, me sinto em dívida com os blogueiros vizinhos.
Então, pegando carona na linha de posts prestando contas das ausências, digo que não sei porque não tenho estado na fissura de escrever. Estou pensando até em me despedir. Pois aí pode ser que eu volte com mais fissura, como o Rê Orlandi. Huahuahua brincadeirinha...

Então vamos lá tentar entender:
Nunca estive do jeito que estou hoje em dia. Sempre tive paixões. Me apaixono por projetos, idéias, pessoas, baratas (menos, Clarice), não, baratas não. Pous bem....agora, nada. Isto. Zero adrenalina. Me parece, ao contrário, que todas aquelas grandiosidades pelas quais me empolgo e me motivam estão derretendo. Nada parece palpável. Não me reconheço. Não sou mais a mesma animada e apaixonada de sempre. A meu favor, digo para mim mesma que estou amadurecendo e que estou conseguindo não me iludir mais com ilusões. Racionalmente, até pode parecer bom, mas estou achando um saco. Então, não sei se estou numa bad ou se estou numa transição para algo melhor. Fato é que me sinto solta. Nunca me senti uma pessoa UAU: forte e fodona. Sempre tirei minha força da fé mas coisas que acredito. Mas agora me sinto solta de mim mesma. E não quero me agarrar em qualquer coisa ou idéia só para me sentir real. Já que cheguei até aqui, vamos seguir e ver onde isto tudo vai dar. Enquanto isso, vou tocando os dias como uma manada de bois... Apesar de eu não ter a mínima idéia sobre como se toca uma manada de bois. E é assim mesmo que sigo, na incerteza e buscando apenas ter paciência para aguentar firme até tudo melhorar. Ou até eu ficar mais forte.

15 comentários:

Atreyu disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Atreyu disse...

Volta quando você estiver pronta! Mas volta logo @@ =D

Renato Orlandi disse...

AHuhauhauha... Toh suuuper na fissura, é muito vício! kkkkkkkk

Mas só descobri quando não estava mais aqui, aew minha vida mudou, me formei, fiquei com MUITO tempo livre, senti falta das amizades, das opiniões, das brincadeiras... ah... de tudo...

Seria melhor ter tirado férias apenas, espero que faça isso também! MAS VOLTEEEEE!!! rsrs de preferencia na fissura hehehe... eu pensava em exposição, em no que poderia acrescentar, em ter oportunidade de responder e retribuir igualmente ao carinho e talz e acabei apenas me distanciando.

Descobri que é só pegar leve, ir devagar e sempre... (assim como eu ahsuahsauhua), enfim! VOLTE logo! Adoro viajar aqui!

Bjuuuuu!

Edu disse...

Bom, agora que eu voltei, tudo será lindo e belo e apaixonante pra você!! :-)

Paulo Braccini disse...

são tão somente fases querida ... vc sabe disto ... não queremos que se afaste mas, se isto for fundamental para vc se reencontrar, claro, terás nosso apoio ...

torcendo pelo sucesso deste seu processo ...

bjux

;-)

AD disse...

eu tb não estou estimulado a escrever. Pensar em desistir do blog? Sempre eu penso nisso. E vamos que vamos.

Eu quero vc em SP, vai vai. Please. Será muito bom ter uma consulta com a gurua top da blogosfera. Falando nisso, mingou de novo. Mas naturalmente.

Mulher Asterísco disse...

Mas eu nao disse que era so brincadeirinha???? Nem penso em sair do blog...hauahuaha

Augusto disse...

aOlhá Mulher Asterisco, começei a seguir o teu blog recentemente e estou amando as tuas dedilhadas. Tu és fodástica, e, convenhamos, momentos de distanciamento, introspecção só fazem bem ao eu lírico. Enjoy ur time ;D

Vaca Jersey disse...

Manada de bois?????
De bois??????
Pode ser de Vaca, não?
Querida... entendo PERFEITAMENTE isso que escreves... mas toma teu tempo... sem fechar essa porta "virtual" aqui. Seria o fim te perder. E se sumir eu vou aí e te encho de porrada, viu??? Hahahahahaha!!!!
Ficas bem! Beijos do Fred e da Vaca!

Wans disse...

Posso não passar aqui com frequ~encia, mas as poucas vezes me identifico com o que escreves. Esperoq ue tudo se resolva e que fiques bem.
E ó, Hellomotta me confidenciou uma coisa lá no blog. Fiquei envaidecido.

Ass. Ponyboy.

bjs

Diego disse...

Vim aqui pra dizer nada. Não é bom isso? Nada.

Visão disse...

Ainda bem que é só brincadeira, não é mesmo? Eu quero agradecer pelo voto que me destes - EU ERA O SETE nº18. Beijos

Lobo Cinzento disse...

Eu gosto de pensar nisto como uma transição. As vezes estamos cheio de munição, as vezes as idéias não se conctretizam, as palavras não se formam na nossa mente... passa. As vezes demora, mas passa...

Beijos o+*!

Caju disse...

tô achando que há algum mal solto na blogosfera. tá todo mundo tão...mole!

mas aguardarei ansioso a sua volta.
bjus

Lobo Cinzento disse...

Mas eu sou paranóico o+*... e como sou hauahauahuahau