quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010

Virtual Life

Eu passo mais da metade do meu dia olhando pra uma tela de computador. Considerando que eu "perco" cerca de seis horas por dia dormindo, totalizando 18 horas "úteis" por dia, dá pra considerar que vivo até 75% da minha vida virtualmente.
No trabalho, são cerca de 7 horas diárias, que mesclam entre prazer, vício e obrigações. Alt-&-Tab reina por aqui o dia todo.
A saída é ter sempre alguma coisa pra compensar outra. E foi por isso que criamos esse blog: para compensar a estafa mental de tantos processos, dando uma liberdade de expressão ao cérebro, tão massacrado por aqui.

No início, eu queria um blog pop. Queria que todo mundo me lesse e pensasse: "gente, ela é assim?", porque tenho a plena noção que as pessoas têm uma visão completamente errada da minha pessoa. Exceto as que me lêem.
Alguns belos meses se passaram, e eu percebi que blog me traz auto-conhecimento. Me analisando por aqui mensalmente, eu percebo o quanto eu sou instável.
Tendo noção disso, eu consigo me controlar, me entender e me aceitar.

Mas não é só de mim-comigo-mesma nem de mim-com-a-asterisco que sobreviveu este blog. O vício me fez fuçar outros blog, entrar em outras vidas. Outras vidas trouxeram outras visões e outras verdades. Fiz vários amigos por aqui, e rendeu até um cinema com um deles - bem especial por sinal - que virou amigo de carne-e-osso, destransformando a virtualidade.

Li no O Globo Online, que a internet deixará as pessoas mais inteligentes. Será?
Bom, não sei se mais inteligentes, porque inteligência é dentro pra fora, o que acho que não tem muito a ver com tecnologia. Acredito sim que as pessoas possam ficar mais cultas, mais On Time.

Outro ponto que eu discordo com algumas pessoas, é quando dizem que a internet deixaria a pessoa mais "encasulada". Veja o meu caso: Por uma lista na internet conheci dezenas de pessoas com o gosto musical parecido em São Paulo, Recife, Bahia, Minas, etc. E tenho uns 5 ou 6 deles muito presentes até hoje.*
Pela internet descobri que sinto atração por meninas e foi só por este meio que consegui chegar até elas. Eu praticamente me descobri e me aceitei por aqui.

As febres mudam: ICQ, mIRC, MSN, Orkut, Twitter, e agora, o meu xodó, o Formspring. Confesso que me tem sido bem útil para fins de interesse pessoal, mas agora tô caindo nas graças da "amizade inesperada". Pergunta vai, pergunta vem e eu tô completamente viciada em saber mais daquelas pessoas que me rodeiam. Amigos, amigos de amigos... É uma bola de neve absurdamente viciante e eu, que quase não sou curiosa, tô bem feliz por poder desenvolver esse lado "explorador". A única coisa que não tô gostando nisso tudo, é que tem gente confundindo as bolas e metendo os pés pelas mãos.
É verdade que eu me interessei por uma pessoa, mas eu tô longe de estar dando mole pra uma, muito menos pra duas! Eu tô com preguiça de falar dessa história de noooooovo, mas resumindo: eu sou legal, não estou dando mole.
Quando eu quero uma coisa, eu costumo falar, e não deixar subentendido. Entendido?

Ah! E espero que os detetives de plantão tenham gostado do post. Tá cheio de informação pessoal. Enjoy it!


["Escrevo num diário mentiroso
e a indução carnal traduz o certo em virtual.
As cortinas da imaginação fugaz,
estão fechadas para nós com seus mistérios - Nada mais"]
Playmobille - As Pontes

h'[m]

13 comentários:

Mulher Asterísco disse...

Extra, Extra, Extra: Mulher Asterísco traída em público e publicado em rede internacional!

Diego, do Câmera de Vigilância, troca a Master Asterisco pela Junior Hellokitty como companhia para o cinema.

O+* se interroga: Serão as minhas rugas???

Mulher Asterísco disse...

Fiota, eu peguei na sua mão e entrei aqui e agora não quero mais sair...
Adoro o nosso blog!

hellomotta disse...

Que lindo, moms!

Adorei seu comentario, me senti indo pro maternal!

Eu lembro como se fosse hoje:
- "ah, eu tenho um blog que quase nao uso, olha!"
- "muda o nome?"
- "naaaaaaaao!"

e o primeiro post? hahahah
- Que post foi esse*, Chris? Você tá maluca?
http://nemfroid.blogspot.com/2009/07/explicando-froid.html

Mulher Asterísco disse...

Eu acho que tudo começou quando uma jovem senhora leu uma reportagem sobre Twitter e perguntou para sua amiga mais nova e entenada o que era isso. A amiga explicou. Pô deve ser legal, a gente bem que podia colocar estas palhaçadas que a gente conversa. Mas aqui é bloqueado. Droga! O que não é bloqueado aqui????? Blog não é. Sempre quiz um blog. Eu tenho uns dois ou 3 que não uso, quer dar uma olhada?

Se não foi assim é porque o Alzheimer avança a passos tão largos quanto a minha visão decresce e o braço que segura o papel encurta...

Mulher Asterísco disse...

* e o meu vício de escrever quis com z se mantém

hellomotta disse...

hahahaha
Eu sempre te corrijo, e você sempre esquece.
Agora eu já deixo pra lá. Você é foda e pode tudo! =]

Edu disse...

Putz, eu seeeeempre tenho que "brecar" pra não escrever "quiz"! Será que não podem mudar isso lá na tal Reforma Ortográfica?

Adooooro post cheio de informações pessoais! E adoro ver a Mangueira (Froid explica) entrando!

Vaca Jersey disse...

Minha cara... eu tb passo horas e horas no computador... e pior, sofro qdo fico sem... hehe!!! O blog de vcs é divertido... e gosto de ler - as duas. Mas confesso que ainda preciso entender direitinho a relação entre HM e M*... hehe... vou me debruçar sobre as tais pistas escondidas no texto... quem sabe não rola um Vaca Investiga... hahahaha! Bjos!

Paulo Braccini disse...

uma postagem das melhores que já li por aqui ... adoro estas transparências ... o blog para mim teve este sentido ... me desnudar de vez, me mostrar ao mundo tal e qual eu sou e como sou feliz por ser assim ... enfim ...

agora, que eu tenho muito medo destas transparências ah! isto eu tenho ... tem uma VACA investigadora que agora tem até um tabloide que um perigo ... risos ...

curiosidade maior neste momento ... "entender direitinho a relação entre HM e M*... " ... vou na tenda tentar desenrolar este novelo ...

bjux às duas ... amo vcs

;-)

AD disse...

Adorei conhecer melhor as duas e ótimo estar no espaço de vcs. Vamos que vamos.

Lobo Cinzento disse...

Ahauahauahauahu eu tenho vício de escrever mexer com ch. Se eu não presto atenção, sempre sai XD.

"Encasular" também não é muito uma consequência da internet que vejo por ai. Na verdade, eu vejo muito mais é o contrário: Pessoas se desencasulando. Pela internet também conheci muitas pessoas, transformei relações virtuais em reais, e viajei pacas, coisa que eu nunca faria sem um bom motivo, como conhecer pessoas pessoalmente XD.

O virtual e o real são mais próximos do que a gente imagina. As vezes até mais do que a gente gostaria! XD

Beijos!

Mulher Asterísco disse...

MEXER OU MECHER...ACHO QUE DUPLA GRAFIA SERIA UMA BOA SOLUÇÃO

Well Bernard disse...

Meu blog foi criado apenas para que eu seja a palmatória do mundo. Nada deu certo.