quinta-feira, 22 de outubro de 2009

A falta que a falta faz

Eu sou tão corna, mas tão corna, que tô o dia todo ralando, ameacei abrir aqui por umas três vezes e não conseguia postar. Agora que eu ia conseguir postar, foi eu abrir a porra da janela, o chefe me aparece.
Na moral, O Cara deve achar que eu não faço porra nenhuma. Isso porque a chefe do R.A. já teve aqui pra me zoar e saiu com o rabo entre as pernas. Onze processos fechados em 2 dias. Isso porque o dia não acabou ainda.
Ontem fechei tanta coisa, tanta coisa, que sai com dor de cabeça. Futzinho pra renovar as energias. Aula de probab de 23 minutos. Mereço, né?

Preciso fazer minha unha com urgência. Ela tá tão ridicula que me dá vontade de roer pra "consertar", e quanto mais eu "conserto", pior fica. Progressão geométrica.

Só não estou mal humorada porque não tem como se estressar depois de um almoço com a Bea. Porque se a gente já fala merda via sms e msn, ao vivo então é cada pérola...
O melhor foi sair do shopping ouvindo um: "sei, fica molinha, né?" hahaha risada geral.
Azar o meu. Falo o que quero, ouço o que não quero. Enfim. O importante é que o bom da vida é poder rir de nós mesmos.

Saudade chatapracaraleo. Nome proibido pelas próximas 24 horas. Começando de agora: valendo! Vamo ver quanto tempo dura.

[you do something to me that i can't explain
so would i be out of line if i said i miss you?]
;]
h'[m]

2 comentários:

Mulher Asterísco disse...

meu gorgulho!
...aqui em casa a chapa ta quente. Num da nem pra falar.

to the end disse...

Motta! quando a gente se vê, hein? Saudade do caralho de vc!
Ah, vai no brogui novo, http://yourdeathwish.wordpress.com