terça-feira, 1 de setembro de 2009

Tá Lindo

Acabei de voltar do almoço e me deparei com um sol lindo. O céu. O sol. O gramado. O vento.
E a gente tenta dividir com os amigos, e o papo é mais ou menos assim:
- Olha, Chris, o dia como tá lindo.
- hahahaha. Eu li o Blog. - Chris
- Olha, olha, que dia lindo. Que sol lindo. Que mãe linda. Que tia linda
- É seu aniversário hoje? - Tetê
- Não.
- Você fumou alguma coisa? - Alê
- Não.
- Seu cabelo tá lindo. - Tetê
- É. Hoje tá tudo lindo. Até meu cabelo, que tá uma merda, tá lindo.
- Ihhhhh

Já falei 15 vezes o mesmo nome, duas vezes a mesma história, e 300 vezes o mesmo lamento.
Quer saber? Tem problema não.

A gente vai sendo feliz enquanto vive, e vai vivendo enquanto é feliz.

Liguei pra oficina pra saber do branquinho. Tá na fase de lanternagem. A mulher me manda que até o fim da semana tá pronto. Cara, 4 dias pra lanternar um corsa? Tá de sacanagem. Pior que não tem nem que "ajeitar", é só pintar o treco. Ganhar dinheiro assim é mole.
Amanhã eu me faço de esquecida e ligo de novo. Quinta idem. Ficar sem o bibi final de semana vai ser punk.
Aliás, fds promete. Companhias novas. Junto com as companhia fieis. E vâmo que vâmo.

Vou trabalhar mais um cadim.
Postando meio corrido porque a ansiedade tá se apossando desse ser.
Tentando me preparar psicologicamente. Sem tremilike. Sem ga-ga-ga-guejar. Sem frio na espinha. Será que dá? Sei não.

Pergunta que não quer calar: Por que Pollets me largou no gmail? >.<

ps.: Se alguém tiver lendo esse blog de casa, vou dar um supapo. Vai pra rua. Vai pra praia. Sai de casa. O blog tá lindo, mas o dia tá mais lindo ainda...

Um comentário:

Mulher disse...

O AMOR É LINDOOOOOOOOOOOOOOO